CIRURGIAS

Tumores de pele

A neoplasia de pele (câncer de pele) é o tipo mais freqüente de tumor maligno que afeta o organismo humano. Em áreas de clima tropical, onde há intensa irradiação solar, a ocorrência desses tumores é ainda maior.

O tumor inicia como uma pequena lesão (tipo espinha, escoriação ou mancha) que não cicatriza ou que desaparece e retorna no mesmo local de tempos em tempos. Raramente apresenta dor, mas pode causar coceira e até sangramento. Qualquer parte do corpo pode ser atingida, mas a face é o local mais freqüente

Em praticamente todos os casos confirmados o tratamento é cirúrgico e o procedimento, quando realizado de maneira adequada, promove a cura completa do tumor, sem a necessidade de quimioterapia e/ou radioterapia na maioria dos situações. A opção por um cirurgião plástico habilitado e com experiência neste  procedimento garante não somente a cura da doença como também o mínimo de deformidade possível após a retirada da lesão.